Apenas 7% da população adulta da Islândia é fumante

0
161
Islândia tem o segundo menor índice de fumantes da Europa. (Foto from Unsplash)

Um artigo publicado pelo Fréttablaðið, jornal de maior circulação da Islândia, mostra que atualmente apenas 7% dos adultos do país são fumantes. Esse percentual coloca a Islândia em segundo lugar na Europa na lista dos países com menor taxa de uso do fumo, atrás apenas dos suecos.
De acordo com as informações, o fumo passou por grandes transformações no país nas últimas décadas. Em 1968, o índice de fumantes na Islândia era bastante alto e há apenas 30 anos, uma em cada três mortes podia ser atribuída ao tabagismo.
Segundo Karl Andersen, médico-chefe de cardiologia do hospital Landspítalinn, os islandeses devem se orgulhar dos resultados que alcançaram na prevenção do tabagismo. Ele diz que resultou em melhorias na saúde pública.
O tabagismo é um dos maiores fatores de risco quando se trata de doenças cardiovasculares e câncer de pulmão. Os ataques cardíacos caíram 80% nos últimos 30 anos. Cerca de um quarto dessa redução está relacionado à redução do tabagismo.
A Islândia tem estado na vanguarda de várias medidas de controle considerando o tabagismo. O país foi o primeiro a proibir o fumo em voos internacionais e foi um dos primeiros países a proibir a propaganda de produtos de tabaco.
A idade média dos fumantes aumentou para cerca de cinquenta anos. Embora muitas pessoas tenham parado de fumar, a razão pela qual a taxa caiu tão rapidamente é que os jovens não fumam. Nas universidades, apenas cerca de 1% a 2% dos alunos fumam.
O gerente do projeto de controle do tabagismo da Diretoria de Saúde, Hafsteinn Viðar Jensson, comemora a mudança de cenário. “Em breve estaremos alcançando uma geração sem fumo”, disse ele.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui